Principais competências dos gestores de projeto

Para garantir o sucesso, os gestores de projeto necessitam de uma variedade de competências. Assumindo esta ideia, uma compreensão completa dos aspetos técnicos do projeto é uma enorme vantagem, bem como a experiência do próprio gestor de projeto poderá ser um fator determinante. Mas o sucesso não se baseia apenas na experiência e na educação. Os gestores de projeto também precisam de uma variedade de competências suaves (soft skills) para garantir uma liderança eficaz e que seja reconhecida. Embora a lista de itens a seguir não seja exaustiva, provavelmente encontraremos entre os gestores de projetos mais bem-sucedidos algumas das seguintes características:

 

Comunicação: uma das competências mais importantes (senão a mais importante) que um gestor de projeto deve possuir é a capacidade de se comunicar efetivamente. A falta de comunicação efetiva pode deitar a perder a maioria dos projetos.

Competências organizacionais: os gestores de projeto precisam de excelentes competências organizacionais. Afinal, não são apenas as tarefas pessoais que estão a ser geridas, mas também as de todo um projeto e da equipa de projeto.

“Problem Solvers”: os problemas podem surgir e irão surgir. Nestes casos, é o gestor de projeto que assume a liderança na identificação do caminho que conduz à resolução dos mesmos e mitiga os riscos ou impactos no projeto.

Negociação: muito embora esta competência não seja tão intuitiva quanto as demais, a capacidade de negociar de forma eficaz é um grande benefício na gestão de projetos. Não é incomum encontrar os membros da equipa de projeto atribuídos a vários projetos, o que pode resultar em disputas ou prazos competitivos. Os gestores de projeto geralmente são obrigados a assumir a liderança na negociação para a disponibilidade dos recursos necessários, conflitos de agendamento, resolução de conflitos ou disputas, e assim por diante.

Liderança: os verdadeiros líderes nunca criticam os outros em seguir. Os verdadeiros líderes inspiram e convidam a ser seguidos na descoberta e na inovação. Os gestores de projeto devem gerir de forma a inspirar a equipa, mesmo quando essa inspiração e acompanhamento possa significar mais horas em condições incómodas para responder às exigências do projeto.



Deixe uma resposta